fundo parallax

Sustentabilidade

Compra Responsável de Gado

Todos os produtos de origem bovina adquiridos pela JBS são procedentes de fazendas que:

A JBS possui, no Brasil, um robusto sistema de monitoramento socioambiental para monitorar e verificar se as atividades de seus fornecedores de gado obedecem aos critérios socioambientais determinados por sua Política de Compra Responsável de Matéria-Prima, de forma a garantir uma cadeia de fornecimento sustentável.

O sistema abrange desde a atuação em áreas livres de desmatamento de florestas nativas, em terras indígenas, áreas de conservação ambiental ou embargadas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), até casos de utilização de mão de obra análoga à escrava.

Diariamente, cerca de 50 mil fornecedores de gado cadastrados, no Brasil, são analisados por meio de imagens de satélite, dados georreferenciados das fazendas e informações de órgãos governamentais. O sistema, exclusivo da JBS, alcança cerca de 45 milhões de hectares na região amazônica - a área monitorada é equivalente ao território da França.

Ao identificar fazendas que não cumprem quaisquer dos critérios socioambientais da Companhia e do Compromisso Público da Pecuária, o sistema bloqueia o cadastro comercial do fornecedor, impossibilitando qualquer operação de compra até que a situação seja regularizada. Toda a compra de gado e o próprio Sistema de Monitoramento Socioambiental são anualmente auditados por empresa terceira, de forma independente.

Para a auditoria, é utilizada uma amostragem representativa do total das aquisições de matéria-prima bovina. A análise se baseia em amostra média de dez mil operações de compra de gado de fazendas fornecedoras localizadas no Bioma Amazônia.

Acesse abaixo os relatórios das auditorias realizadas por terceira parte e confira no vídeo as ações da JBS para compra sustentável de gado.

 
 

Programa Liga do Araguaia



A Friboi assinou, em 2019, um acordo com a Liga do Araguaia para promover e intensificar o desenvolvimento da pecuária sustentável na região do Médio Vale do Araguaia, no Mato Grosso, auxiliando os produtores locais.

No projeto, chamado Rebanho Araguaia, a Liga faz a organização dos pecuaristas, enquanto a Friboi oferece auxílio financeiro para a contratação de consultorias de gestão e para a intensificação das suas pastagens, garantindo melhor produtividade e contribuindo para a preservação do bioma local.

Com isso, os pecuaristas passam a ter melhores condições para investir nas suas produções, aumentam seus indicadores de produtividade, melhoram a qualidade dos seus animais e, principalmente, colaboram com a sustentabilidade.

A parceria veio para fortalecer a produção de carne sustentável no Cerrado e para atender a demanda de players relevantes que buscam uma compra cada vez mais responsável. O objetivo é transformar a região, uma das principais produtoras de gado do país, em um parâmetro global de boas práticas. Juntos, esses pecuaristas ajudam a preservar uma área de 150 mil hectares de pastagem.

Com a parceria com a Liga do Araguaia, a Friboi tem a garantia da continuidade de um trabalho sério e responsável na região, aliando sustentabilidade, preservação e sucesso produtivo aos fornecedores locais.