Em 2018, 100% das fazendas que forneceram gado para a Companhia seguiram critérios socioambientais

 

Em 2018, 100% das fazendas que forneceram gado para a Companhia seguiram critérios socioambientais
 

A JBS mantém compromisso de combater, desencorajar e eliminar o desmatamento na Amazônia. Temos uma política de desmatamento zero na região e proibimos a entrada de gado de fazendas com desmatamento em nossa cadeia de fornecimento.

 

Há quase uma década, monitoramos nossa cadeia de fornecimento com tecnologia de imagens de satélite, dados georreferenciados das fazendas fornecedoras e também informações oficiais do governo.

 

O sistema de monitoramento da JBS no bioma Amazônia abrange mais de 450.000 km² (ou 45 milhões de hectares), praticamente a área do território da Alemanha, e avalia mais de 50.000 potenciais fornecedores de gado todos os dias. Em todos esses anos, mais de 7.000 fazendas fornecedoras de gado foram bloqueadas pelo sistema de monitoramento por situações de não conformidade.

Sistema de Monitoramento de Desmatamento Via Satélite - JBS

 

O sistema e toda as compras de gado da JBS na região amazônica são auditados de forma independente pela DNV GL, empresa global de auditoria socioambiental com sede na Noruega. A auditoria mais recente, em 2018, confirmou que 100% de nossas compras de gado estavam em conformidade com nossas rígidas políticas de compra de matéria-prima. 

 

A JBS trabalha para aprimorar os padrões do setor, por meio de diálogo aberto e engajamento de todas as partes interessadas para melhorar a sustentabilidade ao longo de toda a cadeia de valor da indústria.  

 

Acreditamos na transparência e estamos em contato contínuo com nossos clientes. Publicamos os resultados de nossas auditorias sociais e ambientais independentes a cada ano e fornecemos regularmente relatórios sobre nossas iniciativas de sustentabilidade. Também oferecemos visitas aos clientes em nossas fábricas, onde eles podem supervisionar a atividade e conhecer os colaboradores, produtores e comunidades que eles apoiam comprando nossa carne.