Governança

A estrutura de governança corporativa da JBS é responsável pela definição de estratégias de investimentos, pela tomada de decisões e pelo monitoramento da relação da companhia com os acionistas e demais públicos estratégicos, o que assegura a contínua geração de valor e as condições de desenvolvimento sustentável dos negócios. Os colaboradores são orientados a realizar suas atividades com ética, transparência e foco nos resultados, em consonância com a cultura da empresa e o Manual de Conduta Ética da companhia.

Conselho de Administração

O Conselho de Administração da JBS é formado por nove membros, com mandato unificado de dois anos e sujeitos à reeleição, tendo entre suas responsabilidades a definição de políticas, diretrizes dos negócios e estratégias, o monitoramento do desempenho da companhia e a supervisão da gestão da diretoria.

O Conselho de Administração da JBS conta com o apoio de seis comitês específicos que o auxiliam nas deliberações estratégicas para o negócio:

Comitê Executivo: assessora a gestão da Companhia na revisão de potenciais propostas de aquisição, investimentos, desinvestimentos, associações e alianças estratégicas; na elaboração do orçamento anual/plurianual e suas revisões, bem como do plano anual de investimentos e na orientação geral sobre os negócios.

Comitê de Sustentabilidade: identifica e trata temas críticos que representem riscos ou possam ter impacto relevante na companhia. Também tem a responsabilidade de recomendar e acompanhar a implementação de políticas e estratégias relacionadas à sustentabilidade dos negócios.

Comitê de Auditoria: tem como atribuições analisar normas, regras corporativas, processos de divulgação e transparência das demonstrações  financeiras. Além disso, é responsável por avaliar o desempenho dos sistemas de controles internos, bem como as auditorias interna e externa.

Comitê Financeiro e de Gestão de Riscos: auxilia o Conselho de Administração e a Diretoria Estatutária nas análises dos reflexos do cenário econômico mundial na política financeira da JBS. Para isso, elabora cenários e tendências para avaliar os riscos e criar oportunidades estratégicas a serem adotadas pela companhia em relação à política financeira, assim como aprimora regras e procedimentos para controle e gestão de riscos de mercado e de crédito de forma a diminuir o risco de oscilação de preços e gerar valor aos acionistas.

Comitê de Governança: busca instituir melhores práticas sobre o tema, baseadas nos mais altos padrões globais, e acompanhar o cumprimento de tais medidas.

Comitê de Partes Relacionadas: assegurar que as transações da Companhia e de suas controladas e coligadas, envolvendo partes relacionadas sejam realizadas levando em consideração em primeiro lugar o melhor interesse da Companhia, em condições ordinárias de mercado, negociadas de forma independente, mediante processo transparente, ético, em conformidade com a legislação vigente.

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA

Lançamos o novo Código de Conduta e Ética da JBS e também o novo Código de Conduta para Parceiros de Negócio. Mais abrangente e mais fácil de consultar, o Código influenciará os nossos negócios no mundo todo.

O Código de Conduta e Ética atualizado reflete nosso compromisso de operar de forma íntegra e transparente. Conheça:

Código de Conduta e Ética (Português)

Código de Conduta e Ética (Inglês)

Código de Conduta e Ética (Espanhol)

Código de Conduta para Parceiros de Negócio (Português)

Código de Conduta para Parceiros de Negócio (Inglês)

Código de Conduta para Parceiros de Negócio (Espanhol)

Confira também o Audiobook:

Audiobook Código de Conduta e Ética

Liderança

  • José Batista Sobrinho, presidente

    José Batista Sobrinho é o presidente da Companhia desde setembro de 2017. Seu Zé Mineiro foi o primeiro presidente da JBS, empresa que fundou em 1953. É membro do Conselho de Administração da empresa há mais de dez anos.

  • Gilberto Tomazoni, Chief Operating Officer

    Tomazoni está na empresa desde 2013, tendo ocupado as posições de presidente da divisão de aves, presidente da Seara e presidente global de operações. O executivo tem mais de 30 anos em posições de liderança no setor de alimentos e é presidente do Conselho de Administração da Pilgrim’s Pride Corporation.

  • Wesley Batista Filho, presidente de Operações da América do Sul

    Wesley Batista Filho ocupa a posição desde setembro de 2017. O executivo era presidente da divisão de carne bovina da JBS USA e já ocupou cargos de liderança na JBS em cinco países desde 2010.

  • André Nogueira, presidente da JBS USA

    Presidente da JBS USA desde 2013, participa do Conselho de Administração da Pilgrim’s, da Scott Technology, do North American Meat Institute e do Conselho Consultivo do Rabobank’s North American Agribusiness.

  • Vincent Trius, presidente global de Novos Projetos

    O executivo é o presidente global de Novos Projetos da JBS desde setembro de 2015. Na companhia desde 2014, foi o responsável por estruturar o projeto Swift Mercado da Carne no Brasil, EUA e México.

  • Joanita Karoleski, presidente da Seara

    Na JBS desde 2013, assumiu a posição de presidente da Seara em setembro de 2015. A executiva possui mais de 20 anos de experiência nos segmentos de agronegócio e de alimentos.

  • José Roberto Coimbra Tambasco, presidente da Swift Mercado da Carne

    Presidente da Swift Mercado da Carne desde agosto de 2016, o executivo possui mais de 35 anos de experiência em varejo por meio de sua atuação no Grupo Pão de Açúcar.

  • Renato Costa, presidente da JBS Carnes

    Com 31 anos de atuação na indústria frigorífica, Renato Costa é o presidente da JBS Carnes desde 2011. O executivo ingressou na companhia em 2010 como Diretor Executivo para o negócio de carne bovina.

  • Nelson Dalcalane, presidente da JBS Novos Negócios

    O executivo chegou à JBS em 2000 e assumiu a presidência da Swift e da Swift Argentina em 2007. Em 2011, tornou-se presidente da JBS Novos Negócios, unidade que atua em setores relacionados ao core business da companhia.

  • Roberto Motta, presidente da JBS Couros

    O executivo, que cresceu em uma família de negócios em couro, trouxe sua larga experiência adquirida no setor para a JBS em 2010, quando assumiu a presidência da JBS Couros.

Ouvidoria

A Ouvidoria da JBS é um canal imparcial, seguro e confidencial que trata de cada assunto respeitando direitos, legislações e políticas da JBS.

0800-7704100

ouvidoria@jbs.com.br

www.ouvidoria.jbs.com.br

RELACIONADO

RECICLAGEM MUITO BEM PASSADA Plásticos em Revista Abril de 2017 RECICLAGEM MUITO BEM PASSADA JBS Ambiental é um caso à parte de excelência sustentável Em 14 anos de ativa sem estardalhaço, a JBS Ambiental virou um ponto fora da curva no setor de reciclagem no Brasil. Não se sabe de frigorífico algum possuidor de recicladora e, para aumentar a […] Saiba Mais
Visão Sustentabilidade é conduzir as operações com responsabilidade no uso dos recursos naturais, na segurança alimentar, na promoção do bem-estar animal, no respeito às diretrizes internas e no fortalecimento de parcerias. A adoção de boas práticas de governança e gestão socioambiental vem proporcionando êxitos no desenvolvimento de iniciativas que agregam valor aos produtos e aos acionistas da companhia. Saiba Mais
Compromisso com a qualidade Para garantir a qualidade, a segurança sanitária e a sustentabilidade de todos os seus produtos, a JBS conta com rigorosos processos que permeiam toda a sua cadeia de produção. A companhia possui também um Programa de Controle de Resíduos Químicos que realiza análises laboratoriais constantes e estudos aprofundados em seus produtos. Saiba Mais
História A origem da JBS remonta a 1953, quando seu fundador, José Batista Sobrinho, iniciou as operações de uma pequena planta com capacidade de processamento de cinco cabeças de gado por dia, na cidade de Anápolis, em Goiás, na região Centro-Oeste do Brasil. Saiba Mais
JBS Novos Negócios A JBS Novos Negócios reúne as operações que estão relacionadas de forma direta e indireta com o core business da companhia. Essa unidade de negócio transforma os subprodutos coprodutos e resíduos do processamento da carne bovina, suína e de frango em produtos de alto valor agregado, gerando valor à JBS e contribuindo para métodos de produção mais sustentáveis de todo o grupo. Saiba Mais