Em 2019, a Companhia reforçou as ações de Compliance [...]

fundo parallax

Comunicação

Modelo Saiba Mais

Levantamento anual do CDP aponta que a JBS lidera em todos os critérios entre as empresas do setor no continente americano

O desempenho da Companhia foi positivo não apenas quando comparado com as empresas do segmento. A média global B, obtida pela JBS, também foi superior a de gigantes de outros setores e a coloca entre as melhores do mundo nos temas analisados pelo CDP. Esse resultado foi alcançado graças aos avanços da empresa em ações relacionadas à política de compra responsável de gado e critérios socioambientais aplicados aos seus fornecedores, além da sua atuação consistente para a gestão e redução de suas emissões diretas de Gases de Efeito Estufa (GEE).

A JBS tem investido fortemente no uso em larga escala de energia de fontes renováveis, a partir da cogeração e uso de biomassa e, principalmente, por meio da utilização de grandes quantidades de resíduos orgânicos de sua operação para geração de energia. Também vale ressaltar que a JBS Biodiesel, unidade produtora de biocombustíveis da Companhia no Brasil, foi a primeira empresa de biocombustíveis do país a obter certificação para emissão de créditos de descarbonização, no âmbito do Programa Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio), demonstrando o pioneirismo da empresa na produção de energias renováveis.

“O CDP parabeniza todas empresas que já entenderam o tamanho do seu impacto e estão dispostas a percorrer o caminho da transparência e sustentabilidade ambiental. O setor privado, e especificamente o do agronegócio, tem um papel vital a desempenhar nesse momento, no qual a emergência climática é um consenso entre os maiores cientistas climáticos e já se pode sentir os efeitos na economia e em nosso dia a dia. A escala dos riscos comerciais do desmatamento e da insegurança hídrica é ampla – assim como as oportunidades de enfrentá-los.  Precisamos agir juntos, enfrentando os riscos ambientais e nos preparando para uma nova economia voltada tanto para as pessoas quanto para o planeta”, diz Lauro Marins, diretor executivo do CDP Latin America.