SEARA RECEBE CERTIFICAÇÃO DO MAPA DE COMPARTIMENTAÇÃO AVÍCOLA

 

Após uma década desde o início do projeto-piloto, unidade de Itapiranga é a primeira do setor de produção de frangos de corte e abatedouro, no mundo, a obter esse reconhecimento

 

São Paulo, 14 de março de 2018 – A unidade produtiva da Seara em Itapiranga (SC) recebeu hoje (14) o Certificado de Compartimento Avícola, emitido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). A Seara é a primeira empresa do setor de produção de frangos de corte, abate e exportação, no mundo, a receber esse reconhecimento.

 

Com a certificação, que tem como base a Instrução Normativa 18 e a IN 21 do MAPA, a planta ganha um status sanitário diferenciado, reduzindo o risco de sanções comerciais impostas ao Brasil por mercados externos no caso de eventos sanitários relevantes.

 

“Fomos pioneiros ao aderir à iniciativa proposta pela Organização Mundial da Saúde (OIE) e pelo MAPA há mais de dez anos. Esse reconhecimento comprova que fizemos investimentos importantes em nossos processos de qualidade, atendendo aos mais elevados níveis de exigência do mercado internacional e consolidando a Seara como referência na indústria alimentícia”, afirma Joanita Karoleski, presidente da Seara.

 

A compartimentação tem como base a prevenção e a biosseguridade e busca reduzir o risco de introdução de agentes causadores de enfermidades no plantel, indo além da delimitação geográfica (regionalização). Dessa forma, é permitida apenas a entrada de ovos, pintos, ração, maravalha e frangos para abate envolvendo unidades que estejam na área de abrangência estabelecida.

 

“Trata-se de um projeto estratégico para a sustentabilidade de negócios da Companhia, uma vez que o compartimento adota procedimentos com elevado nível de biossegurança”, explica José Antonio Ribas Junior, diretor de Agropecuária da Seara.

 

O projeto inclui 21 núcleos de granjas de matrizes, dois incubatórios e o frigorífico de Itapiranga; a fábrica de rações de São Miguel do Oeste e de Itapiranga; 283 granjas de frangos de corte e três fábricas de maravalha.

 

Os trabalhos foram iniciados em 2007, em uma iniciativa da OIE e do MAPA, com apoio da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Cidasc (Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina) e do governo de Santa Catarina.

 

Sobre a JBS
A JBS é uma das líderes globais da indústria de alimentos e conta com cerca de 235 mil colaboradores, em mais de 20 países. A Companhia possui um portfólio de marcas reconhecidas pela excelência e pela inovação, como Doriana, Friboi, Moy Park, Pilgrim’s Pride, Primo, Seara, Swift, Gold’n Plump, entre outras, que atendem 350 mil clientes de mais de 150 nacionalidades em todo o mundo. Com foco em inovação, essa diretriz se reflete também na gestão de negócios correlacionados, como couros, biodiesel, colágeno, higiene pessoal e limpeza, invólucros naturais, soluções em gestão de resíduos sólidos, embalagens metálicas e transportes. A JBS adota as melhores práticas de sustentabilidade em toda sua cadeia de valor, e monitora seus fornecedores de forma constante por meio do uso de imagens de satélite, mapas georreferenciados das fazendas e acompanhamento de dados oficiais de órgãos públicos, além de conduzir suas operações com foco na alta qualidade e na segurança dos alimentos. As melhores práticas de Bem-Estar Animal guardam estreita relação com o sucesso das operações da JBS, que trata o tema com extremo rigor e tem investido cada vez mais no aprimoramento de ações que sigam as melhores práticas de mercado.

 

JBS
Diretoria de Comunicação Corporativa
+55 11 3144-5364 | 7997 | 4996
imprensa@jbs.com.br