JBS COUROS UTILIZA CASCA DE CASTANHA-DE-CAJU COMO FONTE DE ENERGIA SUSTENTÁVEL EM UNIDADE DO CEARÁ

Substituição de combustíveis fósseis pela casca da oleaginosa promoveu economia de cerca de 50% em custos para a unidade.

 

São Paulo, 18 de janeiro de 2017 – A JBS Couros de Cascavel (CE) aderiu à troca de combustíveis fósseis pela mistura de casca de castanha-de-caju e babaçu para o aquecimento de caldeiras. Com a substituição de combustível pelo material orgânico, a planta alcançou economia de cerca de 50% em custos, além de contribuir com os valores de responsabilidade sustentável da companhia.

 

“A utilização da casca de castanha-de-caju não somente nos trouxe vantagens econômicas bastante relevantes, como oferece grandes benefícios ambientais. Além de evitar o envio das cascas para aterros, as emissões de gases nocivos são consideravelmente menores quando comparadas às emissões de combustíveis fósseis”, explica Fernando Bellese, gerente de Marketing e Sustentabilidade da JBS Couros.

 

São consumidos mensalmente cerca de 500 toneladas de casca de castanha-de-caju e 60 toneladas de babaçu para abastecer energeticamente a unidade, que produz couros semi e acabados, com foco nos mercados da Europa, Ásia e América do Norte, atendendo os segmentos moveleiro e automotivo.

 

Sobre a JBS
Com mais de seis décadas de história, a JBS é uma indústria de alimentos presente em mais de 20 países, com plataformas de produção ou escritórios comerciais. A empresa conta com mais de 230 mil colaboradores no mundo, exporta para mais de 150 países e possui mais de 300 mil clientes ativos globais. A JBS possui um diversificado portfólio de produtos, com dezenas de marcas reconhecidas em todo o mundo. A companhia também atua em setores relacionados com o seu core business como couros, biodiesel, colágeno, sabonetes, glicerina e envoltórios para embutidos, bem como possui negócios de gestão de resíduos, embalagens metálicas e transportes, que suportam toda a sua operação.

Contatos:
Diretoria de Comunicação Corporativa
+55 11 3144-7997 | 4996 | 5364
imprensa@jbs.com.br