fundo parallax

Comunicação

JBS entrega obra de revitalização do Centrinho do Hospital da Missão Caiuá, em Dourados (MS)

Centro de apoio ao Hospital da Missão estava desativado e passará a apoiar o atendimento médico hospitalar aos casos de Covid-19 entre indígenas;

Ação integra o programa “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”.

Mato Grosso do Sul, 30 de dezembro de 2020 – Nesta quarta-feira (30), a JBS entrega à cidade de Dourados (MS) a revitalização do Centrinho do Hospital da Missão Caiuá, instituição que atua no atendimento médico para a comunidade indígena local. A nova estrutura é mais uma doação que a JBS faz à cidade como parte do seu programa de responsabilidade social “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”.

Com um investimento de R$ 110 mil, foram revitalizados três enfermarias, farmácia, depósito, cozinha, abrigos, banheiros e lavanderia. A doação também contemplou a troca de madeira e substituição de forro dos telhados; revisão hidráulica com troca e instalação de tubulações em banheiros e lavanderia; substituição de portas e vidros quebrados; instalação de acabamentos como torneiras, caixas e tampas de vasos sanitários; pintura e higienização de paredes e pisos. A JBS forneceu não somente os materiais, mas também a mão de obra e toda a estrutura necessária para a revitalização do prédio.

O Centrinho é uma instalação de apoio ao Hospital da Missão Caiuá. Com 20 leitos de internação, será possível agilizar o atendimento médico aos casos de Covid-19 entre indígenas da região. Após a pandemia, a estrutura será destinada para outros atendimentos.

Desde junho, a JBS já doou para Dourados: uma ambulância; 75 bombas de infusão; 60 camas clínicas; 45 monitores de sinais vitais; 15 camas de UTI; 12 macas hospitalares de transporte; 10 ventiladores, seis eletrocardiógrafos com carrinho; três cardioversores; mais de 200 mil Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como aventais, luvas de procedimentos, máscaras cirúrgicas e N95, toucas e viseiras faciais; e 20 mil máscaras de tecido para distribuição à comunidade.

Ainda em setembro, a Companhia entregou, a partir de um investimento de R$ 720 mil, 11 leitos de enfermaria e mais um quarto para isolamento à Unidade de Pronto Atendimento Médico – PAM, localizada na Vila Industrial. Além da obra de mais de 180 m², a Companhia equipou a unidade com 12 camas com colchão, sete aparelhos de ar-condicionado e um gerador de energia.

Dourados é uma das mais de 290 cidades beneficiadas pelo programa no Brasil. Em Mato Grosso do Sul, a JBS doou R$ 21 milhões, sendo R$ 10 milhões para o Estado e R$ 11 milhões para 16 municípios sul-mato-grossenses, beneficiando mais de 1,5 milhão de pessoas.

 

“Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”

Os R$ 400 milhões doados pela JBS contra a pandemia no Brasil estão sendo aplicados nas três frentes de atuação do programa – saúde, assistência social e ciência. A estimativa é que mais de 77 milhões de pessoas sejam beneficiadas com as ações.

A alocação dos recursos considerou um diagnóstico feito com sistemas de saúde municipais e estaduais e incluiu entrevistas e análise de dados. Essas informações foram avaliadas por especialistas dos três comitês independentes do programa da JBS nas áreas de saúde, social e ciência e que, com larga experiência em seus respectivos setores de atuação, apoiaram na definição das ações e projetos atendidos.

Saiba mais sobre o programa no site jbs.com.br/fazerobemfazbem.

 

Sobre a JBS 
A JBS é a segunda maior companhia de alimentos do mundo e a maior de proteína animal. Com uma plataforma global diversificada por geografia e por tipos de produtos (aves, suínos, bovinos e ovinos), a Companhia conta com mais de 245 mil colaboradores, em unidades de produção e escritórios em todos os continentes, em países como Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália, China, entre outros. No Brasil são mais de 145 mil colaboradores, sendo a empresa a maior empregadora do país.

No mundo todo, a JBS oferece um amplo portfólio de marcas reconhecidas pela excelência e inovação: Swift, Pilgrim’s Pride, Seara, Moy Park, Friboi, Primo, Just Bare, entre muitas outras, que chegam todos os dias às mesas de consumidores em 190 países. A Companhia investe também em negócios correlacionados, como couros, biodiesel, colágeno, higiene pessoal e limpeza, envoltórios naturais, soluções em gestão de resíduos sólidos, reciclagem, embalagens metálicas e transportes.

A JBS conduz suas operações com foco na alta qualidade e na segurança dos alimentos e adota as melhores práticas de sustentabilidade e bem-estar animal em toda sua cadeia de valor. O programa Juntos pela Amazônia integra esse compromisso. Além de fomentar o desenvolvimento sustentável do bioma amazônico, promovendo a conservação e uso sustentável da floresta, prevê a melhoria da qualidade de vida da população que nela reside, bem como o desenvolvimento de novas tecnologias para preservar o meio ambiente. Com a implementação de uma plataforma blockchain, inédita no setor de proteína animal, ampliará o monitoramento dos fornecedores diretos da JBS para os fornecedores deles.