LOGÍSTICA EFICIENTE: FRIBOI BATE RECORDE DE TRANSPORTE DE CARNE BOVINA

CONGELADA NO MODAL FERROVIÁRIO NO MÊS DE MAIO

 

Unidade de negócios aumentou em 80% o transporte de contêineres de carne bovina para os portos de Cambé (PR) e Rondonópolis (MT);

Meta é crescer em 40% o transporte pelo modal ferroviário neste ano em relação a 2018.

 

A Friboi, unidade de negócios de carne bovina da JBS, registrou em maio seu recorde no transporte de carne bovina congelada via modal ferroviário na sua logística de exportação no mês de maio. O número representa 80% mais contêineres transportados em comparação com o mesmo mês do ano passado. O acumulado do ano, quando comparado a igual período de 2018, já registra um aumento de 50% no número de contêineres transportados.

 

O modal ferroviário se tornou uma opção economicamente viável, além de ser mais sustentável por conta da redução na emissão de poluentes. A Friboi adaptou suas operações ao longo do ano passado e, atualmente, o modal ferroviário faz parte da estratégia de viabilidade da exportação do negócio, correspondendo a mais de 30% do total embarcado para outros países.

 

A área de logística da Friboi também vem implementando diversas ações a fim de proporcionar condições comerciais cada vez mais competitivas, não só para novos mercados, mas para os já consolidados, por meio de logística alternativa, como o trem. O objetivo da Companhia é aumentar em mais de 40% o volume transportado no modal ferroviário até o fim deste ano em relação a 2018.

 

Com as alternativas adotadas pela Friboi, entre janeiro de 2018 e maio de 2019, a unidade de negócios reduziu a emissão de 9,4 mil toneladas de CO2e, somente com o uso de trens. Essas emissões são equivalentes a 1.652 voltas ao mundo de carro ou a 5.092 carros rodando por um ano.